Quem não tem sonhos?


Oi,Galerinha!
       Meu plano era começar colocando logo o post...Mas,preciso contar para vocês a SAGA que foi para conseguir essa proeza,vamos lá:
Como todos sabem - ou não- não entro aqui faz muito tempo,assim como o orkut saiu de moda não sei se o blogspot também saiu...Mas,isto não é importante pra mim,afinal isso aqui sempre cairá bem para mim,de fato sempre foi o meu refúgio.O lugar onde posso juntar as palavras,formar frases,textos que não fazem nenhum nexo pra ninguém,mas muito sentido para mim.
 Fato é que está tudo muito diferente e moderno por aqui,demorei alguns longos minutos para conseguir achar o botãozinho de postagem! Hahahaha Fui persistente,pois queria muito aliviar o que estou sentindo.
Como diria Fernando Pessoa ‘’Escrevo o que sinto para aliviar a febre de sentir”,ou ele diz algo muito parecido com isso! Rs Enfim,daqui a pouco isso fica maior que o post.
Beijo,espero que gostem.


 
I. Quem não tem sonhos?
Alguns os deixam transbordar,outros preferem reprimí-los para não chorar,mas todos têm.Acredito que os sonhos movem a vida,como se esta fosse um carro e aqueles o combustível,no entanto quando os sonhos ao invés de impulsionar a vida,passam por cima da própria realidade se faz necessário pensar: Estou colocando combustível no meu ‘’carro’’ ou atirando fogo em mim mesmo?


Ela sempre sonhou demais,sua melhor amiga era sua imaginação,nesta ela encontrava tudo que precisa: alegria,amigos de verdade,amores eternos e gargalhadas.No entanto,um dia ela percebeu que tudo aquilo era falso e que uma vida boa apenas na sua cabeça,não era o suficiente.Então,decidiu correr atrás de dar vida à sua imaginação,foi quando percebeu que nem todos os sonhos se tornam realidade e,quando a vida fechava uma porta,ela tinha vontade de desistir e voltar para a sua imaginação,lá todas as portas eram abertas e todas as janelas ventiladas.Porém,ela sabia que devia isso aos seus sonhos...Devia isso a si mesmo.

Entendeu que quanto mais a vida lhe negava,era para ver o quanto ela realmente queria.Percebeu que quanto mais portas encontrasse fechada,mais forte ficaria para derrubar a próxima-se assim fosse necessário- e entendeu,mais uma vez,que essa força só é adquirida através de tentativas.Colocar os pés no chão,a cabeça erguida para os céus e os olhos mirados no horizonte é a única chance de pintar o quadro dos sonhos.Tal pintura seria a maior obra prima da sua vida,disto ela sabia.Portando,recorreu ao Da Vinci que existia dentro dela,colocava o seu avental,pegava os baldes de tinta,se sujava e adorava a sujeira que a corrida pelos sonhos trazia.Até que um dia....

Ela conseguiu.Assim.Simplesmente isso.Não foi algo que veio fácil e,talvez por isto,foi tão comemorado.Ela conseguiu colorir o quadro da sua vida com todos os pincéis adquiridos na jornada,assistiu de camarote os seus sonhos virarem realidade,sorriu com uma pintinha de tinta na bochecha,mas esta,ela sabia,era a marca da sua vitória.Por fim,sua imaginação ganhou espaço na sua vida real,mas nunca deixou de trabalhar.Afinal,ela tinha mais sonhos...Claro que tinha! E todos os dias,pela manhã,levantava as mangas do avental e corria atrás de mais uma obra prima.

 *Aviso: Sonhar na cama e sonhar na vida tem significados diferentes.O primeiro,você pode ficar deitada(o) esperando e ele irá acontecer,o segundo não adiantará deitar e olhar ele passar: quando tiver um sonho,levante-se e corra atrás da sua concretização.

 
                           With Love,Nath.

Mais informações »

Quem sou eu

Minha foto
Carioca,leonina,amante da noite e do frio,a ''psicóloga'' de todos os seus amigo e acredita que a vida pode ser mesmo um palco,uma passarela ou qualquer coisa que tenha você no centro de tudo. Acredita em Deus,mas não no Deus de todo mundo. Acredita em anjos,mas estes estão bem aqui,na terra. Acredita em milagres e que eles vem de você. Acredita que as palavras tem poder e que o silêncio também. Acredita que se você acreditar muito em alguma coisa,todos vão acreditar e tudo pode se realizar. Todas as letras espalhadas tentando se encaixar formando palavras e estas formando um humilde texto: são de minha autoria.Não que eu acredito que alguém realmente se interesse em publica-los,mas se for fazer isso: me avise.

Populares

Nathalia A. Abreu. Tecnologia do Blogger.